Qual seu tipo de personagem?

20 de novembro de 2015

Anteriormente em RPG Next…

“Se está procurando dicas sobre como começar a criar e imaginar seu personagem, como ele irá parecer, como irá agir e o que você espera conseguir com ele… então seus problemas acabaram! (sim eu sei que você ouviu o jingle!) Ou talvez não, talvez estejam apenas começando.

Dividiremos esta em três etapas. Na primeira, procura-se um bom ponto de início da criatura, vulgo: seu personagem;então vamos entender o criador, vulgo: você! ”

Agora que você conhece seu perfil de jogador, é hora de investigar o perfil do seu personagem! Afinal por mais que seja uma figura surgida de sua imaginação, este irá vivenciar experiências que simulam uma vidal com decisões e suas consequências, a boa e velha interpretação. 😀

role

 

Na hora de determinar como será o personagem os sistemas mudam entre si… alguns usam os atributos clássicos do D&D: força, constituição,  destreza, inteligência, sabedoria e carisma, além é claro do alinhamento e suas combinações. Outros complementam (ou mesmo substítuem) estes com as vantagens e complicações como em Savage Worlds; ainda temos a natureza e comportamento vindos dos Storytellers…

Enfim, o mais aconselhado (novamente) é buscar no livro de regras do sistema que será usado verificando o que este diz. Entretanto, se você deseja dar mais profundidade ao seu personagem, vale a pena utilizar e/ou combinar características de outros sistemas.

Nesta hora talvez você se pergunte: porque eu iria querer mais algo para pensar além das regras do sistema???? A resposta para isso é simples: personagens mais densos e complexos parecem mais reais, auxilia a definir como ou onde ou quando tomar as decisões deste personagem, ou seja, facilita sua interpretação durante o jogo! Deixa mais interessante esta criatura fruto da sua imaginação, o mundo em que ele vive mais próximo do nosso e suas ações mais críveis.

Na verdade, a pergunta a ser feita é: como usar e combinar tudo isso?? Para isso, deve se ter em mente seu estilo de jogo, tratado no último texto, e o que você deseja com este personagem. Então em busca disso, vamos falar sobre a caracterização e a relação com o jogador!

 

OS ATRIBUTOS

A ideia dos atributos é determinar através de limitados números (ou palavras) alguns conceitos simples de como seu personagem é fisicamente e mentalmente. Desta forma cabe ao criador do personagem definir como serão distribuídas estas caracteríticas e sua prioridade. Alguns preferem não levar muito tempo nestes quesitos, enquanto outros podem levar horas para tentar balancear todos os quesitos. Os mais clássicos são:

 

FORÇA: relacionado as proezas físicas, determinando o quão fácil é para você usar seu corpo para atingir um objetivo, seja ele atravessar um precipício aos saltos ou esmurrar um inimigo.

str

 

CONSTITUIÇÃO: mostra o quão resistente fisicamente se pode ser, permitindo ser aquele cara osso duro de roer ou um molenga que qualquer ventinho pode derrubar.

diehard

 

DESTREZA: não importa ser uma montanha de músculos se não souber como usá-los, nisso se encaixa esta característica, mostrando o quanto de habilidades seu corpo pode ter.

dex

 

INTELIGÊNCIA: a característica daqueles que sabem sobre tudo e mais um pouco, daqueles que passam horas investigando pensamentos ou divagando sobre o conhecimento puro.

lore

 

SABEDORIA: o conhecimento prático, aquele adquirido vivenciando ao invés de estudando e que pode revelar muitos mistérios, auxilia seja salvando vidas ou resolvendo enigmas filosóficos.

ezio

 

CARISMA: muitas vezes confundido com aparência, este também é o famoso “jeitinho”, daquele que pode resolver problemas na lábia, mostrando o quanto se pode ser envolvente.

loki

 

Os três primeiros mostram o formato físico de seu personagem, mostrando ao mundo sua primeira impressão (muitas vezes a mais importante) enquanto que os últimos falam sobre como funciona a mente dele. Então, como escolher qual será sua prioridade? Nessa hora, voltamos ao seu perfil de jogador e pensamos em qual será a melhor combinação para atingir seus objetivos dentro do jogo! Com minha bela opinião de m**** dou alguns exemplos :

Ator: para poder entrar no mundo e poder interagir o máximo possível, é interessante investir no carisma, para abrir portas, e na destreza, para escapar o mais rápido possível quando precisar.

Explorador: para esse é interessante investir em sabedoria e constituição, aprender e saber se comportar no mundo explorado estando preparado para resistir a todos os seus desafios.

Estimulador: para poder levar o grupo a frente vale a pena poder manipulá-los com um pouco do seu carisma e quando esta não bastar, esmague com sua força quem o impede de avançar!

Lutador: para quem vive de luta em luta, sua força é sua melhor amiga, no entanto, é preciso muita inteligência para elaborar estratégias que tragam a preciosa vitória.  

Otimizador: este é aquele que busca o melhor que se pode oferecer, sempre diante de decisões difíceis, para isso é preciso ter sabedoria na escolha e destreza para ser rápido nesta.

Solução de problemas: os maiores desafios se apresentam mentalmente e fisicamente, exigindo toda inteligência de quem os enfrente, assim como desafiam os limites de sua constituição

Contador de histórias: novamente este é uma mistura de todos, mas as características que se destacam são a o carisma para poder transmitir de maneira genial suas histórias e a sabedoria necessária para sua sobrevivência nelas.

 

SE APROFUNDANDO…

 

… pois apenas de atributos nenhum personagem vive, deve-se definir sua personalidade, o rumo da interpretação! Os atributos auxiliam na descritiva do personagem, mas são voltados para a mecânica de jogo, enquanto que as demais caraterísticas se voltam para a questão da interpretação sem esquecer de auxiliar na mecânica, afinal, RPG é um jogo de interpretação, equilibrando os dois 🙂

 

ALINHAMENTO (D&D)

Definindo como seu personagem enxerga o mundo e a sociedade, podendo ser leal e respeitar a ordem ou caótico com uma visão mais individual ou neutro, equilibrando estes opostos. Além a determinação de seu respeito pela vida em geral, demonstrando um bondoso altruísmo, um maléfico egoísmo, ou o equilíbrio neutro. Desta forma existem as nove possíveis combinações que junto aos atributos geram uma infinidade de possíveis personalidades.

alignment-GoT

 

VANTAGENS E COMPLICAÇÕES (SAVAGE WORLDS)

Ninguém é perfeito, mas sim criaturas cobertas de falhas e complicações que dificultam a vida, porém sempre existe uma área de destaque, dando vantagens sobre acontecimentos e decisões. Desta forma o equilíbrio destes aspectos determina como se portará o personagem no mundo, como reagirá as situações apresentadas e suas decisões.

pirate                       drunk

 

NATUREZA E COMPORTAMENTO (STORYTELLER)

Partindo para conceitos mais profundos da personalidade, vemos aqui as inlfuências desde o nascimento até o momento atual, como e onde você nasceu, qual foi sua educação e seu perfil formado influenciam em como se comportará perante o mundo externo, já o cerne do seu ser, aquilo que sempre esteve com você desde seu primeiro instante, determina sua natureza.

personalitys

 

Todos estes em seus respectivos sistemas são suficientes para a formação de seu personagem, no entanto, caso queira determinar mais profundamente a personalidade, deixo aqui um último conselho: combine regras, não necessariamente irão influenciar na mecânica, mas deixam seu personagem mais real e interessante. 😉

Achou que faltou alguma regra de outro sistema que possa ajuda na interpretação ou se não concorda com nada disso, diga mais nos cometários e nos ajude a melhorar, nada melhor como a boa troca de conhecimentos 🙂