O que é Storyteller RPG? Conheça esse sistema

25 de abril de 2018

Você quis dizer storytelling? Não, não quis! Se você ainda está entrando no mundo do RPG já deve ter se deparado com vários termos novos e até mesmo se confundido com eles.

Para te ajudar nessa saga de conhecimento nós fizemos este post ensinando tudo o que você precisa saber sobre storyteller rpg.

O que é Storyteller rpg?

Assim como diversas outras nomenclaturas o Storyteller RPG é mais fácil do que parece. Sendo nada mais que um sistema de rpg que utiliza o D10 (Dado de dez faces). Dentre os vários sistemas o Storyteller rpg é conhecido como sendo uns dos mais interpretativos.

Dessa forma, seu principal objetivos torna-se gerar crônicas, onde seu cenário mais famoso é o Mundo das Trevas. Muitos o confundem com o Storytelling, mas é importante saber que este último não passa de seu sucessor comercial.

Entenda o que é um sistema em –  Sistemas de RPG: o que são e qual o melhor para você

Como surgiu Storyteller rpg?

No início dos anos 90, o até então criador do jogo Ars Magica, idealizou um novo cenário de jogo com a temática de terror. Associando-se a Tom Dowt, conhecido por criar Shadowrun, eles desenvolveram um novo sistema de jogo.

Dessa forma iniciou-se o que conhecemos hoje por Storyteller rpg, sistema que utiliza D10 para realizar os cálculos de probabilidade. O sistema ficou tão popular que acabou entrando para a competição dos grandes sistemas, como o D&D, da Wizards of the Coast.

Infelizmente para os diversos fãs de Storyteller rpg ele foi descontinuado em 2003, e substituído pelo Storytelling System. No entanto, o Storyteller rpg ainda é um dos sistemas mais jogados ao redor do mundo.

Como funciona o Storyteller rpg?

Um dos principais motivos pelo sucesso do Storyteller rpg, é a sua simplicidade. Dessa forma até mesmo quem acaba de iniciar suas aventuras no mundo do rpg consegue se divertir sem grandes dificuldades.

Para a construção do personagem basta utilizar os pontos cedidos para comprar características em uma ficha.

Essas características serão representadas por bolinhas preenchidas na ficha. Algo muito semelhante ao que acontece em jogos eletrônicos como The sims, ou até mesmo o nível de bateria de alguns aparelhos celulares.

Neste cenário, para se passar em um desafio, soma-se o total dos pontos de atributo e a habilidade necessária para cumprir a missão, ou seja, as bolinhas preenchidas em cada um dos itens necessários para realizar a tarefa, o total obtido será o número de vezes que deve-se lançar os dados de 10 faces.

Por exemplo:

Força física (4) + esquiva (6) = 10

Neste caso, o jogador lançaria 10 vezes os dados para obter o número mínimo estipulado para a dificuldade da tarefa.

Por exemplo, se o grau de dificuldade para enfrentar um grupo de baderneiros é oito, deve-se conseguir no mínimo 8 na soma da das faces de cada dado.

É importante enfatizar que o storyteller rpg prioriza a criação de histórias. Assim tanto os jogadores quanto o mestre desenvolvem histórias com os personagens. Sendo que o principal diferencial para outros sistemas é que todos já devem possuir uma história pronta antes de começar a aventura.

Leia também – Forgotten Realms: entendendo esse cenário

Agora cabe a você decidir se o storyteller rpg é o melhor sistema para você e seus amigos se divertirem. E se tiver alguma dúvida já sabe, basta invocar um dos nossos magos deixando seu comentário abaixo!

 

Regras GURPS

Regras GURPS